RITOS artshow at Sala Aberta | April-March 2018 | São Paulo

In early 2018, Bárbara Malagoli, Julia Balthazar and I developed “Ritos”, an art show where each one of us individually made work under the theme: Imaginary cult societies. It came to life within the walls of Sala Aberta, a gallery from São Paulo. In my imaginary scenario, people rub their eyes to create entoptic imagery and reach spiritual enlightenment.

"Um dia enquanto caminhava pelo centro de São Paulo deparei-me com uma moça a distribuir panfletos de um grupo de iluminação espiritual. O pequeno papel continha a frase “Venha para o grupo de Avistadores de Fenômenos Entópticos (AFE) e nunca mais deseje o mal a si mesmo”. Na época estáva em busca de alguma coisa que me tirasse o tédio e me trouxesse motivação depois de tantos meses sem produzir. Ao chegar em casa decidi googlar as palavrinhas do panfleto. O que aquela gente andava a fazer só poderia ser no mínimo inquietante. Eis que a minha cética abotoadura moral foi totalmente rompida pelas duas semanas de imersão dentro daquele pequeno grupo de pessoas que esfregavam suas membranas sensório-oculares em busca do divino impalpável.

Os trabalhos mostrados aqui são uma tentativa de extrair, talvez até documentar, o que vivi dentro da AFE."

Na oftalmologia, o fenômeno entóptico se caracteriza por uma estimulação visual cuja fonte são os próprios olhos.

Por exemplo:

A visão dos vasos ou glóbulos sanguíneos oculares, que circulam no corpo vítreo. 

Fosfenos; manchas luminosas originadas pela estimulação mecânica  dos olhos, principalmente ao esfregas as pálpebras com força. Manchas luminosas que persistem no campo visual obscuro após a fixação de uma fonte luminosa.